LegislaçãoNovidades WebDFe

Impostos do agronegócio: agora o WebDFe calcula para você!

Entenda como funciona este recurso e o que ele fará para te ajudar!

Desde o início, o WebDFe teve como objetivo facilitar ao máximo a vida de seus clientes, de modo que os desafios do setor fiscal se tornem mais leves, e um ponto em que vimos um grande potencial é o cálculo de impostos do agronegócio.

É possível que você sinta um frio na espinha só ao ouvir falar sobre o tema, já que ele transparece uma grande complexidade. Isso acontecia em partes, de fato, mas agora a situação será totalmente diferente.

Vamos entender brevemente a importância deste setor para o Brasil e, em seguida, entender como nosso portal de emissão de documentos fiscais pode ajudar neste sentido.

Como é o agronegócio no Brasil?

Muito forte, o que tende a se manter ainda por um bom tempo, tendo em vista que é uma das áreas em que o país se destaca em termos de geração de recursos.

O ano de 2018 mostrou uma pequena recessão, praticamente nula, de 0,01% quando comparado ao ano anterior, de acordo com o que mostraram pesquisas do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, em conjunto com a Confederação da Agricultura e Pecuária no Brasil (CNA).

Porém, ao olhar para os números, fica evidente como a área é indispensável para a economia do país. Confira a participação do agronegócio para o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, de acordo com dados do Cepea:

– 1996: 31,9%
– 1997: 29,2%
– 1998: 27,9%
– 1999: 27,8%
– 2000: 28,9%
– 2001: 29,0%
– 2002: 29,5%
– 2003: 30,4%
– 2004: 27,4%
– 2005: 24,2%
– 2006: 23,3%
– 2007: 22,7%
– 2008: 22,8%
– 2009: 21,5%
– 2010: 21,6%
– 2011: 21,0%
– 2012: 19,4%
– 2013: 19,2%
– 2014: 19,1%
– 2015: 20,5%
– 2016: 22,8%
– 2017: 21,4%
– 2018: 21,1%

Na série histórica, o agronegócio no Brasil já chegou a representar 31,9% do PIB em 1996, maior valor da lista, equivalente a US$ 271,277 bilhões naquele ano. O menor foi de 19,1%, em 2014, correspondente a US$ 469,096 bilhões na época.

De qualquer forma, sua participação sempre foi bastante relevante para a economia do país, o que ajuda a entender porque movimenta tanto interesse até hoje para os produtores e o mercado como um todo.

Por ser tão importante, é claro que um grande número de empresas atuam na área, as quais precisam cumprir todas as exigências legais e burocráticas para o exercício de suas funções, entre as quais se destacam os cálculos fiscais e tributários.

A importância da gestão fiscal e tributária em uma empresa é enorme, independentemente de qual seja seu porte ou segmento, e até mesmo um pequeno erro em termos de cálculos pode trazer sérias consequências futuras, como multas pesadas.

Para evitar este tipo de situação, o WebDFe traz uma grande novidade para o seu negócio, com grandes chances de te fazer economizar tempo e dinheiro: os cálculos automáticos de impostos.

Saiba mais: Conheça o WebDFe, seu novo emissor de documentos fiscais

Como o WebDFe faz os cálculos de impostos do agronegócio?

No mesmo momento da emissão da NFe Produtor Rural. Basta que o cliente insira os valores dos documentos e, imediatamente, a parcela dos impostos já é calculada.

O WebDFe faz o cálculo dos seguintes impostos:

– Funrural (federal): Fundo de Assistência do Trabalhador Rural. É um fundo destinado a contribuições sociais, fundamental para que o trabalhador possa se aposentar quando atender aos devidos critérios.

– Senar (federal): Serviço Nacional de Aprendizagem Rural. Entidade vinculada à CNA, administra, organiza e realiza programas de promoção social e formação profissional para pessoas de todo o Brasil.

– Fethab (estadual): Fundo Estadual de Transporte e Habitação. Imposto que incide sobre a venda de commodities de soja, milho, algodão, madeira e gado em pé no estado do Mato Grosso.

– Fethab 2 (estadual): Fundo Estadual de Transporte e Habitação 2. Sua incidência é igual à do Fethab, com exceção da madeira.

– FACS (estadual): Fundo de Apoio à Cultura da Soja. Visa promover a sustentabilidade da cultura da soja no Mato Grosso, sempre realizada de acordo com padrões ambientais e tecnológicos no que tange à qualidade e produtividade.

– FABOV (estadual): Fundo de Apoio à Bovinocultura de Corte. Tem por objetivo financiar todo tipo de ação voltada ao desenvolvimento e apoio da bovinocultura de corte, bem como da organização de seu sistema produtivo.

– FAMAD (estadual): Fundo de Apoio à Madeira. Visa financiar iniciativas para apoiar e desenvolver o setor de base florestal e toda a organização do sistema produtivo.

– IAgro (estadual): Instituto Mato-grossense do Agronegócio. O objetivo é de financiar ações para desenvolver a cultura da soja e organizar sua produção.

– IMA (estadual): Instituto Mato-grossense do Algodão. Seu propósito é oferecer o máximo suporte possível às pesquisas relacionadas ao fortalecimento e desenvolvimento da cultura de algodão.

Até então, os produtores rurais precisavam fazer o cálculo manual de cada um desses impostos, o que tomava boa parte de seu tempo, além de haver a possibilidade de cometer falhas humanas e, com isso, poder ter que arcar com consequências no futuro.

Tendo em vista que esta era uma grande dificuldade, a equipe do WebDFe pensou em uma estratégia para facilitar a atividade e, assim, proporcionar benefícios a todos os clientes. Basta entrar com os valores de cada produto para que os respectivos cálculos sejam feitos.

Eles são realizados de acordo com as exigências legais, ou seja, você não precisa se preocupar, já que sua assertividade é garantida.

Da mesma forma que o desconto para produtor rural em automóveis é um benefício e tanto para tais pessoas, os cálculos dos impostos também ajudarão diretamente em sua rotina, até mesmo ao ponto de aumentar sua produtividade e, consequentemente, a rentabilidade.

Se você já não tinha motivos para ficar de fora do WebDFe, agora isso é ainda mais evidente. Aproveite esta oportunidade e tenha todos os impostos do agronegócio calculados automaticamente em sua empresa, além de poder emitir uma série de outros documentos fiscais eletrônicos com a praticidade que sua empresa merece!

Posts relacionados
Novidades WebDFe

Nunca mais perca nenhum XML e DANFe com o novo módulo do WebDFe!

Novidades WebDFe

Gestão Eletrônica de Documentos: conheça o recurso do WebDFe!

Novidades WebDFe

O WebDFe quer ajudar a sua empresa neste momento difícil! Saiba como.

Legislação

O que é desoneração fiscal? Qual é sua finalidade?

Assine nossa Newsletter e
mantenha-se informado

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *